quinta-feira, 30 de outubro de 2014

do mar de dor ao deserto de gelo

um dos maiores perigos de um relacionamento é a decepção.
existem infinitos conselhos e mensagens positivas a respeito da decepção amorosa, porem nem todas as pessoas lidam com esse fato tão bem quanto aparentam (ou querem aparentar). mas no fundo sabemos todos que, por mais fortes que aparentem ser, estão tristes e feridos.este é o momento em que se tornam vulneráveis a novas decepções que geram mais dor em um ciclo vicioso que culmina no que chamo de "coração de gelo". as pessoas com coração de gelo acabam por se isolarem inconscientemente do(s) grupo(s) a que pertencem. mas fazem isso não por quererem mas por defesa.
a mente de uma pessoa com o coração de gelo se fecha pra maioria dos sentimentos. e com o passar do tempo ele acaba por se tornar uma pessoa basicamente insensível.
neste momento alguém deve estar se perguntando como identificar alguém assim e como "tratar" alguém assim???
uma coisa de cada vez: antes de mais nada, é preciso entender que a pessoa não está fisicamente doente. ela esta desacreditada de todos. e ai está o trabalho todo: faze-la acreditar novamente!!!
"mas acreditar em quê???" principalmente em si mesma. acreditar que ela pode ser mais do que é, e que as pessoas não agem todas da mesma forma. esta ultima é a mais difícil se a pessoa com "coração de gelo" se decepcionou muitas vezes, pois quanto maior o numero de decepções mais o coração se fechará e congelará.
elas precisam saber que tem alguém que elas podem acreditar. alguém em quem confiar.
as vezes essa confiança poderá ser encontrada em você.
as vezes você próprio tem "coração de gelo" e só descobriu agora!
confie em si, confie em alguém!!
Postar um comentário